BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

DUETO ANA COELHO E JESSICA NEVES - ACOLHEMOS GESTOS E LEMBRANÇAS





Labaredas de fogo 
Fogem em correntes de nada 

Tocam a linha do horizonte 

Onde o olhar pousa os sonhos…

Onde o olhar pousa os sonhos 
Corre uma cascata em voos livres 
Apêndice de caminhos intermináveis 
Na senda da glória alcançada...

Na senda da glória alcançada 
Remamos em enseadas despertas 
Na liberdade onde as correntes alertam
Sem vento no tempo das colheitas...

Sem vento no tempo das colheitas
Acolhemos gestos e lembranças
Que a alma passa para o papel
Para eternizar como amuleto…

Para eternizar como amuleto 
Bem no cerne do peito 
De onde jorram rubros pulsares 
Em lábios de quente olhar...

Em lábios de quente olhar
Que tocam o algodão do céu
No topo da verde fantasia 
Que inspira quem a respirar…

12.01.14
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...