BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

sábado, 30 de março de 2013

FAZ DE CONTA


























Quero o teu odor natural
A salpicar-me a pele
E os teus lábios mornos
A sussurrar-me o maior poema
Nesta áspera noite de inverno
Em que os olhos se acendem sem querer
(E tudo será mel…)

Cala a solidão
Dos dias a saberem a noites
Em que a madrugada morre em mim
E nada sabe de ti.

Não! Eu não esqueci
…Não esqueço!

Deixa-me entrar no algodão do teu peito
E saber do tempero agridoce que faz
De conta que todas as noites são brilhantes
Quando sorris desse teu jeito…
Não posso olhar para trás!
(Não me acordes.)

Ama-me.

10.03.13
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...