BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

CHOVE



Chove numa folha de papel
Grita um peito desassossegado
Procura uns olhos cor de mel
Num lugar paradisíaco, desabitado...
Chove numa folha de papel crua
A noite ensaia silêncios a um canto
O nevoeiro (en)cobre o brilho da lua
Num desejo arrepiante que (te) pede tanto…

Chove numa folha de papel sedenta
De pássaros soltos em asas anis
Acendendo a esperança que alimenta
Um coração que quer ser feliz!

Chove nesta folha de papel apimentada
Entre beijos adiados, carícias e suor
Há um rumor aceso cheio de nada
Procurando o Essencial: AMOR!

12.09.12
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...