BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

DOCES DESALINHOS - ROSA FONSECA E JESSICA NEVES



Todo o meu regaço se embrulha em estrelas

Que recolhi neste caminho

Que me leva a ti

O ninho que nos acolhe em doces desalinhos

De roupa despida à pressa

De promessas feitas

E a embriaguez dos beijos

Une à palma rasgada desejos

Que eu nunca contei a ninguém...

Do teu corpo me embriago, sou refém

Do verso que anseio declamar-te agora,

Porque o poema não tem hora

Posso falar-te do (a)mar

Do beijo repenicado do sol numa noite de luar

Deixa-me ficar extasiada ao contemplar teu olhar

Tenho tanto, mas tanto p'ra te confessar...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...