BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

DUETO ROSA FONSECA E JESSICA NEVES - GRITO DE SOLIDÃO



O caminho é longo
Há vida antes de ti
Só a tua presença me consome o coração
É aqui
Em frente ao mar
Onde grito a solidão
Nu(m) agridoce onde ouso navegar
E ouço a tua distante linguagem
Teimo em viajar pelo teu peito,
E naufragar na vertigem da espuma

Loucura dos amantes
Vivos e soltos que nem pluma
Dilaceramos o abandono dos corpos
Na paisagem que fala de nós...

Nas noites submersas (d)e fulgores
De beijos que nos devoram
De olhares que se (p)rendem
Onde poisam aves
Em voos permanentes
Deleitáveis...

Chega a tua voz
(Cl)amando-me num murmúrio
Emerge o meu corpo no teu
Acariciamo-nos numa cumplicidade
Como as ondas são para o mar...

16.08.12
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...