BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

DUETO ANA COELHO E JESSICA NEVES - CONTRADIÇÕES D'AMOR



Choveu num dia de Verão
Rastejaram verdes memórias
Sementes do vento suão
Crepitaram nos sonhos da demora

Repousei o olhar na sombra do passado
Bebi resquícios de sol até acordar a tempestade
Recordei os momentos a teu lado...
Serás em mim mentira ou falsa verdade?

A resposta é um quadro inacabado
Tem vértices nas fases da lua
É a cor do hoje tactuado
Nas esferas do futuro onde me perco nua...

Vagueio na incerteza do teu regaço
Na tua carne onde permaneço nua
No calor genuíno do nosso abraço
Diz-me: serei para sempre (tão) tua?!

15.08.12
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...