BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

domingo, 22 de julho de 2012

DUETO CARLOS VAL** E JESSICA NEVES - NUM (SÓ) GESTO


** (Pseudónimo literário de Conceição Bernardino)


Uma pétala de luz percorre o teu rosto tão sublime
E a minha sombra olha-te sem despudor nas insónias
Assalta-me a fome incerta de te acordar
Obriga-me a amar-te loucamente
Até que a última gota de sol se consuma entre nós

Curvo-me para o papel onde as lágrimas
Numa luta acesa contra o tempo
Se regeneram na chuva e no vento
Completo o beijo na fulva das cerejas
Levanto os olhos
E de volta às sombras
Estendo os braços para te acolher
Rendida ao nosso (a)mar de mágoas
Encolho-me como se fechasse
O meu corpo dentro do teu
Num só gesto
Eterno.

20.07.12
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...