BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

QUANDO EMPRESTAS À NOITE TEUS OLHOS DE SOL


Quando emprestas à noite teus olhos de sol
Agita-se a lua cheia numa dança latina
Visita-me um sorriso aceso em torno do farol
Que te leva um beijo à boca cristalina

Adivinho o sabor vivo a amora silvestre
Resgatado no campo de trigo afogado na ria
Duas asas de andorinha voam sem mestre
Pelas ondas do mar polvilhadas de sal e fantasia

Sussurras-me ao ouvido o quanto é bom sonhar
Num afago aquecido pelos teus olhos de sol
É mais do que viver, é simplesmente amar

Sem nunca esquecer a cor rubra do arrebol
Abraçando a pele na noite ficamos poisados
Nos lábios perdidos, na alma encontrados…

07.02.2012

DINA – AMOR DE ÁGUA FRESCA
http://www.youtube.com/watch?v=DqEtNIRyDSo

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...