BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

domingo, 5 de fevereiro de 2012

CONTRATEMPO


As noites são todos os meus dias
Vestida tenho a alma de luto
Trago as minhas mãos vazias
Sou só uma árvore sem fruto

Aquilo que hoje me consome
É só chuva levada pelo vento
Nem dá para matar a fome
Nem sou sol por um momento

Numa bússola contra o tempo
Nem sequer me ponho de pé
Perco-me entre o movimento
Pois aquilo que não sou, ele é!...


29.01.12

DURAN DURAN – ORDINARY WORLD
https://www.youtube.com/watch?v=dDLiVwpv89s&ob=av2e

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...