BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

(CONTRA)CURVAS

Vila Real, Palácio de Mateus - Dezembro 2011

Desfeita em pó abafa-me o vento
Gela em mim a mente vazia
Rasto de sol por um momento
Quente e frio em sintonia

Só há curvas espalhadas pela estrada
Corro p’ras tentar ultrapassar
Há uma pergunta feita de forma errada
E uma pedra no sapato a incomodar

Até onde a estrada me permitir
Corro, corro, corro
Se me pedirem p'ra desistir
Aceito, logo morro!


08.12.11


LINKIN PARK - IRIDESCENT
http://www.youtube.com/watch?v=jpt7RJUGpdE
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...