BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

MENINA DO MONDEGO

Parque do Mondego, Coimbra

Oh, que menina tão encantadora
Pelos campos do Mondego namora
Cultiva a semente da sua sabedoria
Desde o nascer até ao final do dia

Da sua tenra e doce idade
Preserva a genuína mocidade
Atenta nos campos de arroz
Transporta o rio até à foz

O que lhe traz mais sossego
São as águas amenas do Mondego
Que seus olhos miram doirados
E de lá vêm a florescer lavados

Não se deixa levar pelo cansaço
O Mondego aperta num abraço
Quando lhe sussurra a saudade
Desnuda-o, atingindo a felicidade!
02.11.11

PEDRO BARROSO – MENINA DOS OLHOS DE ÁGUA
-> http://www.youtube.com/watch?v=UAdJ-JxgamE
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...