BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

TRISTE SOLIDÃO


Lar de Idosos - Setúbal, Agosto 2011

Solidão
Estar só no meio da multidão
Não ter uma companhia
Para partilhar o dia-a-dia

Solidão é estar vazio
É um poço sem fundo
É um lugar frio
No nosso mundo

A pessoa que vive na solidão
Só precisa de uma palavra
De uma mão amiga
De um pouco de atenção

A pessoa que vive na solidão
É dona de um triste coração
Precisa de alguém no seu caminho
Que lhe dê um pouco de carinho

Não me custa estender a mão
A alguém que vive na solidão
O meu coração diz
Que se a pessoa esboçar um sorriso
É só o que preciso
Para me sentir feliz

                                              06.09.2011

LAURA PAUSINI - LA SOLITUDINE
-> http://www.youtube.com/watch?v=0V8sa05zExI
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...