BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

sábado, 1 de outubro de 2011

OH, QUEM ME DERA

 










 



Quem me dera
Ser só um gomo da laranja
Que reparte o sumo
Por cada canto do teus lábios
Quem me dera
Ser só um pedaço do teu rio
Para lavar a minha face
Nos teus lábios doces
Quem me dera
Ser só a sede que te inunda
Para que me bebas
Incessantemente
Quem me dera
Ser só a tua almofada
Onde poisas o rosto
Todas as noites ao deitar
Quem me dera
Ser só um passarinho
De bico pontiagudo
Só para chegar depressa
Ao encontro do teu
Quem me dera
Ser só um rouxinol
Para te cantarolar
Baixinho ao ouvido
Uma melodia sem fim

Oh, quem me dera…
Ser tanto
E sou tão pouco!

28.09.2011

INCUBUS - PROMISES, PROMISES -> http://www.youtube.com/watch?v=yExPBSDnbU8
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...