BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

EXPLOSÃO SEM REGRAS
















Hoje quero beber de ti
Da sede que inunda o teu corpo
Tudo a que tenho direito
Quero desfazer-me das cinzas
Que tenho cravadas no peito

Quero ver lume na tempestade
Que o teu corpo se abata sobre o meu
Que caia o carmo e a trindade
Que eu domine tudo aquilo que é teu

Hoje quero-te sem tabus
Que os anjos estremeçam e fiquem nus
Que a viola grite os búzios até alvorar
Que o inferno se apodere das almas
Que as ondas rebentem o som do mar
Que a lua se descalce e bata palmas

Quero-te sem restrições
Que a noite se cale até ser dia
Que o dia nunca chegue
E se embale com a nossa melodia
Hoje e em todos os serões

17.09.2011
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...