BEM-VINDO(A) AO BLOG DE JESSICA NEVES *





(ÉS O MEU) LIVRO ABERTO

Desfolho-te como seda
Coberta de lantejoulas
Afasto a cortina lentamente
Pedaço a pedaço
Que bom é ler-te
Entre o jardim banhado em mel
E a cascata desnudada
No horizonte da tua sombra
Aragem perfumada de canela
Com pitada de pimenta
Ler-te é cegamente
Aquilo que me alimenta
Nas entranhas do meu ser.

25.09.2011











Aprecie as pequenas coisas da vida. São as mais belas e as mais intensas. Lembre-se que essas são as melhores.

domingo, 7 de agosto de 2011

Poesia: PEDAÇOS DE MIM



 
Palavra intensa
Oriunda do pensamento
Especial e imensa
Sai no momento
Imaginação jamais dispensa
Adicionada com sentimento

Razão de escrever
I
ntensidade crescente 
M
elodia no coração
A
calma a gente


C
ada pequena linha
O
rganização minha
M
ágica, trágica

A
nseio por desabafar
L
iberdade em primeiro lugar
Essencial à vida
G
uardo cada despedida
R
apidamente me socorro
I
nconscientemente morro
A
penas escrevo versos


Versos amigos
E
que combatem perigos
R
imas coloridas
S
ão vivências divertidas
O
u também sofridas
S
ão apenas desabafos

Desde que escrevo poemas
Elevo a criatividade
Saboreio cada um dos temas
Apenas com emotividade
Basta ter coerência
A
dicionando a inteligência
Funciona na perfeição
Ouvindo a razão e o coração
São pequenos pedaços de mim

PEDAÇOS DE MIM,
Versos sem fim,
Escrevo e nada espero
Escrevo porque poesia venero!



13.07.2011
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...